Agência Telebrasil
Expediente
Telebrasil



O SindiTelebrasil agora é Conexis Brasil Digital. Saiba mais.

Nokia quer ser orquestrador do 5G brasileiro e defende estratégia Open RAN
Agência Telebrasil
29/09/2020

Para o CEO da fabricante, Luiz Tonisi, o modelo de negócios do 5G será o B2B2C. Executivo prevê ainda que o impacto da nova tecnologia na economia será de US$ 1,2 trilhão até 2035.

O CEO da Nokia do Brasil, Luiz Tonisi, reafirmou, ao participar do Painel Telebrasil 2020, nesta terça-feira, 29/09, que a fabricante quer se tornar o principal orquestrador para o 5G, atendendo a todo o ecossistema – operadoras, provedores de internet e verticais de mercado. Tonisi lembrou que a Nokia tem 35% dos acessos via banda larga, 45% do tráfego IP e mais de 12 mil estações radiobase prontas para o 5G.  Também demarcou o alinhamento da companhia ao movimento Open RAN.

“Queremos uma rede que seja para todos. Somos o primeiro provedor global a fazer parte do Open RAN Policy e da coalizão Open RAN Alliance. Tudo o que estivermos produzindo a partir do próximo ano já será Open RAN ready, o que vai permitir ter uma rede dedicada e manter o nível de segurança”, afirmou Tonisi. “Nós acreditamos no Open RAN como sendo provavelmente uma plataforma de desenvolvimento do 5G brasileiro”, acrescentou.

Para o executivo, o modelo de negócios para o 5G será o B2B2C. “Imagine a oportunidade de se digitalizar o Brasil e os segmentos. Nós já temos experiência, hoje, sobre saltos de produtividade. Nunca veremos um salto de produtividade tão grande quanto o que será obtido com o advento do 5G”, enfatizou. “Já temos casos com a Vivo e a Vale aumentando a produtividade dos caminhões autônomos em Carajás/PA. No agro, em parceria com a TIM, estamos cobrindo 5,5 milhões de hectares. E anunciamos há duas semanas o Open Lab para Indústria 4.0”, enumerou Tonisi.

Na economia, o impacto será de US$ 1,2 trilhão até 2035, com um incremento de um ponto percentual ao ano no PIB. O 5G, assegurou o CEO da Nokia, vai reinventar a mídia digital, saindo do mundo 2D para o 3D. Segundo ele, com experiência aprimorada de educação, atendimento remoto de saúde, games de baixa latência e serviços diferenciados proporcionados pelo networking slicing, “a forma de interagirmos com o mundo será diferente, assim como a forma de o mundo interagir conosco.”

Acompanhe o Painel Telebrasil 2020 no site www.paineltelebrasil.org.br

LEIA TAMBÉM:

29/09/2020
Conexis Brasil Digital: Telecomunicações nos mantêm conectados ao que realmente importa

29/09/2020
BNDES quer ser o articulador para o Brasil ter mais infraestrutura

29/09/2020
Novas regras dão maior segurança para investimentos em telecom

29/09/2020
TIM: Brasil pode se tornar líder em 5G com Open RAN

29/09/2020
Segurança no 5G está no centro das atenções da Comissão Europeia

29/09/2020
Fórum 5G Brasil lança documento sobre o impacto da nova geração de comunicações móveis

29/09/2020
Nokia quer ser orquestrador do 5G brasileiro e defende estratégia Open RAN

29/09/2020
Adidas Brasil: mais que aumentar as vendas online, a hora é de inovar nos produtos

29/09/2020
Siemens do Brasil: grande revolução do 5G será a Internet das Coisas

29/09/2020
5G tornará a conexão entre veículos, condutores e passageiros mais segura, sustentável e divertida



Painel Telebrasil 2020 - Evento Digital - 08, 15, 22 e 29 de setembro 

Reforma tributária é a mãe para melhorar o ambiente de negócios no Brasil

Ao participar do Facebook Connectivity, o presidente-executivo da Conexis Brasil Digital, Marcos Ferrari, sustentou que a coope ...

LEIA MAIS



Estudo da LCA defende mitigação e mostra que migração para banda KU será 7,8 vezes mais caro

Levantamento mostra que a mitigação com filtros para resolver as possíveis interferências do 5G custaria, R$ 224,13 milhões, en ...

LEIA MAIS



Mitsubishi Electric cria programa de capacitação gratuita nas novas tecnologias

Empresa global de automação centraliza os treinamentos em big data, machine learning e IoT. As aulas acontecem por meio de apre ...

LEIA MAIS



Organizações reclamam da falta de qualificação dos profissionais de Internet das Coisas

Lacuna de habilidades é um dos pontos críticos para o incremento dos negócios conectados, revela a pesquisa IoT Signals, produz ...

LEIA MAIS




Agência Telebrasil © 2018-2020 Telebrasil - Associação Brasileira de Telecomunicações
A Reprodução do conteúdo da Agência Telebrasil é autorizada mediante a indicação da fonte