Agência Telebrasil
Expediente


A Telebrasil

Telecomunicações são inseridas em estratégia nacional de Segurança da Informação
Agência Telebrasil
23/05/2019

Ao participar do Painel Telebrasil 2019, o diretor do Departamento de Segurança da Informação do GSI, general Oliveira Freitas, convoca o setor a participar da elaboração das políticas de segurança do País.

A Segurança da Informação ganhou prioridade no governo federal, tornando-se umas das diretorias diretamente ligadas ao Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, ressaltou o diretor do da área, general Oliveira Freitas, ao participar nesta quinta-feira, 23/05, do Painel Telebrasil 2019. “Sensibilizado com a importância e transversalidade dos assuntos tratados, o Departamento de Segurança da Informação (DSI) foi alinhado com as demais secretarias”, afirmou o general. E essa importância também está sendo dada à construção da estratégia nacional de segurança da informação, em decorrência direta da política publicada já no ano passado.

De acordo com o general Oliveira Freitas, a estratégia nacional está sendo elaborada em módulos: segurança cibernética, defesa cibernética, segurança das informações sigilosas e segurança das infraestruturas críticas. “Em decorrência da estratégia, vamos para os planos, ou seja, quanto, quando, quem e onde”, acrescentou. Para o diretor do GSI, esse é um trabalho em grande medida colaborativo., tanto que, semanalmente, são realizadas reuniões com a academia, o Judiciário e os setores público e privado.

“Nossos objetivos são proteger os sistemas e redes do governo, as infraestruturas críticas, reafirmar a busca da paz e da segurança internacionais, elevar a confiabilidade na atividade econômica e proteger a sociedade.”, afirmou. Dentro dessa ação colaborativa, o general Oliveira Freitas convoca o setor de telecomunicações a participar do processo dentro do seu departamento. “Queremos muito a presença de vocês. É essencial”, reiterou.

Um dos principais instrumentos para essa colaboração é o chamado Exercício Guardião Cibernético, que simula ataques para avaliar as capacidades de defesa.  Em 2018, os bancos e o setor nuclear inauguraram o sistema. Agora, serão as redes de energia e de telecomunicações que estarão na mira na nova etapa, marcada para começar em julho deste ano.


LEIA TAMBÉM:

26/07/2019
Transformação Digital para um novo Brasil é o tema da revista do Painel Telebrasil 2019

18/06/2019
Anatel diz que regulamentação não será entrave para Internet das Coisas

18/06/2019
LCA Consultores: Brasil Digital requer dar prioridade às telecomunicações

17/06/2019
Brasil precisa criar diretrizes em inteligência artificial

12/06/2019
Painel Telebrasil aponta caminhos para um novo ciclo de investimentos

12/06/2019
Qualcomm: 5G tem papel crucial na transformação digital e na competitividade da economia

11/06/2019
Transformação digital exige vontade política para destravar investimentos

11/06/2019
Huawei: TICs são a base da era das coisas conectadas e inteligentes

11/06/2019
Brasil Digital passa por uma mudança de cultura

11/06/2019
Nokia: Para trazer mais investimentos, o Brasil precisa de reformas macro e microeconômicas




Testes comprovam a viabilidade técnica da convivência entre o 5G e parabólicas

Relatório da Fundação CPqD, com base nos testes da Anatel, atesta que é possível eliminar totalmente as interferências com a ut ...

LEIA MAIS



Futuro do trabalho: Saiba quais são os 10 comportamentos essenciais para ser um profissional em TICs

Inteligência emocional, pensamento analítico, criatividade são alguns dos comportamentos exigidos no novo modelo de trabalho. E ...

LEIA MAIS



Mitsubishi Electric cria programa de capacitação gratuita nas novas tecnologias

Empresa global de automação centraliza os treinamentos em big data, machine learning e IoT. As aulas acontecem por meio de apre ...

LEIA MAIS



Organizações reclamam da falta de qualificação dos profissionais de Internet das Coisas

Lacuna de habilidades é um dos pontos críticos para o incremento dos negócios conectados, revela a pesquisa IoT Signals, produz ...

LEIA MAIS



Agência Telebrasil Copyright © 2018-2019 Telebrasil - Associação Brasileira de Telecomunicações
A Reprodução do conteúdo da Agência Telebrasil é autorizada mediante a indicação da fonte