Agência Telebrasil
Expediente


A Telebrasil

Multicloud, cibersegurança e Internet das Coisas lideram preferência de investimento na transformação digital
Agência Telebrasil
05/02/2019

A maioria das empresas brasileiras de grande e médio portes ainda está investindo com extrema cautela e muito lentamente em transformação digital, apontou pesquisa patrocinada pela Dell Technologies em parceria com a Intel e realizada pela Vanson Bourne no segundo semestre de 2018. O Índice de Transformação Digital da Dell Technologies (DT index) apurou que apenas 6% das empresas brasileiras podem ser consideradas líderes digitais, ou seja, já têm a digitalização enraizada no negócio.

Das 100 companhias brasileiras entrevistadas, 33% estão avaliando as soluções, fazendo experimentações e destinando algum recurso para isto, ou seja, investem de forma gradual e com maior cautela; 22% ainda se movem muito lentamente, avaliando o que podem adotar, mas sem ter programa de investimentos voltado para transformação digital e 2% nem sequer têm um plano digital em vigor, sendo chamadas de retardatárias digitais.

Além dos 6% das empresas brasileiras que podem ser consideradas líderes digitais, 37% são adotantes digitais, ou seja, estão ainda em processo de adotar a transformação digital, mas já segregam parte dos investimentos para isto e têm um plano digital maduro e investimentos em inovação. “A transformação digital está mudando a forma como vivemos, trabalhamos e conduzimos os negócios. As oportunidades são ilimitadas, mas as empresas precisam se mover. É uma questão de sobrevivência”, advertiu o vice-presidente sênior e gerente-geral da Dell EMC Brasil, Luis Gonçalves.

O estudo mostra que as empresas estão alocando seus investimentos no ambiente multicloud (62%), em cibersegurança (61%), em IoT (57%), em inteligência artificial (55%); na abordagem de computação centrada (48%), em tecnologia flash (43%), em realidades virtual e aumentada (43%) e em blockchain (38%). O estudo também apura que 86% dos líderes admitem que há muitas barreiras a serem superadas.

Um quarto dos líderes está preocupado com as dificuldades para atender às demandas dos clientes; 26% temem que suas empresas não acompanhem a evolução e se tornem obsoletas; e apenas 15% acreditam fortemente que estarão na posição de incomodar em vez de serem incomodadas pela concorrência em cinco anos.

Entre os principais entraves à jornada digital, 33% dos entrevistados apontam a regulamentação ou mudança nas leis; 31%, a preocupação com privacidade e segurança dos dados; 30%, a sobrecarga de informação; 26%, a fraca governança e estrutura digital; e 24%, a falta de conjuntos de habilidades e conhecimentos internos adequados.

Para superar as barreiras, 67% usam as tecnologias digitais para acelerar o desenvolvimento de novos produtos e serviços; 53% adotam o desenvolvimento ágil; 67% estão implementando sistemas de segurança e privacidade em todos os dispositivos; 70% se esforçam para desenvolver as habilidades necessárias para a força de trabalho, como programar, por exemplo; e 63% compartilham conhecimento entre as funções.

O estudo da Dell, em parceria com a Intel, ouviu 4.600 pessoas para mapear os progressos da transformação digital de empresas de médio e grande porte em 42 países. No Brasil, foram entrevistados profissionais de 100 empresas líderes.

LEIA TAMBÉM:

05/02/2019
Para a Anatel, qualquer país com estratégia de desenvolvimento bem concebida tem telecom como prioridade

05/02/2019
Marcos Pontes quer trabalhar com a iniciativa privada para acelerar a adoção de TICs

05/02/2019
Painel Telebrasil 2019 é o fórum para discutir as oportunidades e os desafios que a tecnologia traz

05/02/2019
Multicloud, cibersegurança e Internet das Coisas lideram preferência de investimento na transformação digital

05/02/2019
BNDES seleciona 15 pilotos de Internet das Coisas para financiamento

05/02/2019
GSMA capitaneia compromisso global por responsabilidade digital

30/01/2019
Sem redução de imposto, Internet das Coisas não vai mudar nada no Brasil

10/01/2019
Marcos Pontes: É hora de construir um País baseado em Ciência e Tecnologia

27/12/2018
Oferta de espectro é prioridade da Anatel até 2020

27/12/2018
Futuro da Inteligência Artificial no Brasil passa por ir além do consumo da tecnologia




 

Brasil ativou 1 novo celular 4G por segundo em 2018

Durante o ano passado, foram ativados 27 milhões de novos chips 4G e 606 novos municípios receberam as redes de quarta geração ...

LEIA MAIS



Queixas contra prestadoras cai pelo terceiro ano consecutivo na Anatel

Percentual em 2018 ficou 13,6% menor do apurado em 2017. Redução das reclamações contempla o trabalho feito pelas prestadoras p ...

LEIA MAIS



Sem redução de imposto, Internet das Coisas não vai mudar nada no Brasil

Os dispositivos conectados vão modificar a forma de atuar de distintas verticais como Agricultura, Saúde e Transportes, mas se ...

LEIA MAIS



Painel TELEBRASIL 2019 será vitrine de soluções com TICs

A edição 63 do Painel Telebrasil, que acontecerá nos dias 21, 22 e 23 de maio de 2019, em Brasília, terá como atração o FórumGo ...

LEIA MAIS



MCTIC define time para cuidar de TICs no novo governo

Marcos Pontes, ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, nomeia seus executivos. Fazem parte do time Júlio Sem ...

LEIA MAIS



Multicloud, cibersegurança e Internet das Coisas lideram preferência de investimento na transformação digital

Mesmo ainda longe da realidade da grande maioria das empresas brasileiras – apenas 6% se consideram líderes digitais &nda ...

LEIA MAIS



Agência Telebrasil Copyright © 2018 Telebrasil - Associação Brasileira de Telecomunicações
A Reprodução do conteúdo da Agência Telebrasil é autorizada mediante a indicação da fonte