Agência Telebrasil
Expediente
Telebrasil



O SindiTelebrasil agora é Conexis Brasil Digital. Saiba mais.

MCTIC vai publicar decreto para acelerar a regulamentação da Lei das Antenas
Agência Telebrasil
23/10/2019

Como há muitas gestões municipais descumprindo a Lei das Antenas e impondo regras limitantes ao serviço, o governo quer estabelecer um modelo que torne a opção transparente ao cidadão. “Se não querem antenas, não vão ter o serviço. Mas o cidadão terá de saber que foi uma escolha”, afirma Artur Coimbra, do MCTIC.

Fórum Cidades Inteligentes, IoT e Conectividade: Perspectivas e desafios

A regulamentação do novo marco legal das telecomunicações, com as mudanças trazidas pela Lei 13.879/19, vai também resgatar o mecanismo de silêncio positivo no licenciamento de antenas de celular. E além da outorga tácita por decurso de prazo, vai definir os critérios para equipamentos de pequeno porte, que são isentos de licença de instalação. Tudo será definido por um decreto, ainda sem data para ser publicado.

“Dois temas serão especialmente importantes. O primeiro é o silêncio positivo. Vai ser fixada uma regra que, após um determinado prazo, permanecendo o munícipio ou órgão competente inerte, sem se manifestar, a autorização estaria tacitamente outorgada”, contou o diretor de Banda Larga do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações, Artur Coimbra.

O segundo ponto será estabelecer as dimensões mínimas do que poderiam ser consideradas infraestruturas de pequeno porte, que são dispensadas de licenciamento pela Lei das Antenas. “Como estamos pensando em 5G, em ondas milimétricas, em ondas muito pequenas, não faz sentido exigir licenciamento para algo que muitas vezes é um quarto do tamanho de um ar condicionado”, sinalizou Coimbra.

Ao participar do Fórum Cidades Inteligentes, IoT e Conectividade: Perspectivas e desafios, o diretor do MCTIC enfatizou que muitos municípios seguem descumprindo a Lei das Antenas, sancionada em 2015, e disse que o momento é de definir se os municípios querem ou não ter 5G. Coimbra destacou que é um absurdo a operadora ter de escolher se vai levar multa da Anatel ou do município.

“Uma operadora não pode ser forçada a descumprir uma legislação municipal se não houver uma legislação federal que a ampare de maneira mais evidente. Se ela não vier, então, temos que pensar numa forma de obedecer à legislação municipal e deixar muito transparente que aquele município vai ficar sem 5G por opção própria”. Assistam à entrevista com Artur Coimbra, do MCTIC.

LEIA TAMBÉM:

23/10/2019
Investimentos só virão para Belo Horizonte com mudança de lei

23/10/2019
Pressão da sociedade é essencial para modernizar a Lei das Antenas em BH

23/10/2019
Uberlândia indica o caminho: desburocratização traz investimentos

23/10/2019
Estradas digitais são o novo fator de desenvolvimento

23/10/2019
MCTIC vai publicar decreto para acelerar a regulamentação da Lei das Antenas

23/10/2019
Municípios precisam modernizar legislações para ter conectividade

23/10/2019
Prestadoras de telecomunicações no Brasil cumprem os limites internacionais de radiação

23/10/2019
Todas as pesquisas científicas garantem que antenas celulares não causam câncer



Painel Telebrasil 2020 - Evento Digital - 08, 15, 22 e 29 de setembro 

Reforma tributária é a mãe para melhorar o ambiente de negócios no Brasil

Ao participar do Facebook Connectivity, o presidente-executivo da Conexis Brasil Digital, Marcos Ferrari, sustentou que a coope ...

LEIA MAIS



Estudo da LCA defende mitigação e mostra que migração para banda KU será 7,8 vezes mais caro

Levantamento mostra que a mitigação com filtros para resolver as possíveis interferências do 5G custaria, R$ 224,13 milhões, en ...

LEIA MAIS



Mitsubishi Electric cria programa de capacitação gratuita nas novas tecnologias

Empresa global de automação centraliza os treinamentos em big data, machine learning e IoT. As aulas acontecem por meio de apre ...

LEIA MAIS



Organizações reclamam da falta de qualificação dos profissionais de Internet das Coisas

Lacuna de habilidades é um dos pontos críticos para o incremento dos negócios conectados, revela a pesquisa IoT Signals, produz ...

LEIA MAIS




Agência Telebrasil © 2018-2020 Telebrasil - Associação Brasileira de Telecomunicações
A Reprodução do conteúdo da Agência Telebrasil é autorizada mediante a indicação da fonte