Agência Telebrasil
Expediente


A Telebrasil

Clientes de TV por assinatura de AL, ES, MG e RJ começam a receber alertas de riscos de desastres naturais
Agência Telebrasil
23/09/2019

No dia 21 de outubro, o sistema se estenderá para os clientes do estado de São Paulo, em novembro para o Centro Oeste e Norte e em dezembro para os demais estados do Nordeste.

As prestadoras de TV por assinatura começam a enviar a partir desta segunda-feira, 23/09, aos clientes dos estados de Alagoas, Espírito Santo, Minas Gerais e Rio de Janeiro, alertas de riscos de desastres naturais emitidos pela Defesa Civil.

A medida vem se somar ao sistema de envio de alertas por mensagem de celular (SMS), implantado pelas prestadoras em 2017, sobre o risco de ocorrência de desastres naturais, como chuvas fortes, alagamentos, enchentes, deslizamentos e baixa umidade relativa do ar, por exemplo.

Os clientes de TV por assinatura do Paraná e Santa Catarina foram os primeiros a receber os avisos, de forma experimental, desde março deste ano. No dia 2 de setembro, foi a vez dos clientes do Rio Grande do Sul e, agora, nos quatro Estados. No dia 21 de outubro o sistema se estenderá para os clientes do estado de São Paulo, em novembro para o Centro Oeste e Norte e em dezembro para os demais estados do Nordeste.

Na TV por assinatura, ao contrário do celular, o cliente não precisa se cadastrar para receber o aviso, que será feito somente no caso de alertas de maior gravidade. A mensagem aparecerá na tela do televisor, enquanto o usuário estiver assistindo à programação, no formato de um pop-up, uma pequena tela sobreposta à imagem do programa que estiver assistindo.

Alerta no celular

As pessoas que quiserem receber os alertas gratuitamente pelo celular devem enviar um SMS para o número 40199, com o CEP do endereço que deseja ser monitorado. Podem ser cadastrados mais de um CEP para um mesmo número de celular.

Coordenado pelo Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad), do Ministério da Integração, o sistema foi implantado pelas prestadoras em parceria com a Defesa Civil dos Estados e com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e os custos referentes ao envio das mensagens estão a cargo das empresas.

 


LEIA TAMBÉM:

19/11/2019
Avanço da tecnologia e aumento da demanda vão ampliar a necessidade de instalação de infraestrutura

18/11/2019
Testes comprovam a viabilidade técnica da convivência entre o 5G e parabólicas

08/11/2019
Febratel assina acordo de cooperação técnica com CNJ e Senacon

07/11/2019
Avanço dos investimentos e chegada do 5G exigem ajustes na lei de antenas

07/11/2019
Silêncio positivo pode destravar R$ 2 bilhões em investimentos

07/11/2019
Projeto de lei 8.518/17 respeita municípios e dá resposta ágil à sociedade

23/10/2019
Conectividade leva desenvolvimento, afirma ministro Marcos Pontes

23/10/2019
Telecom, junto com água e energia, é condição básica de competitividade dos brasileiros, diz Semeghini

09/10/2019
Mudanças incentivam novas redes e melhores serviços

09/10/2019
Uma lei voltada para o futuro




Fique Antenado! E entenda o papel das antenas na economia digital

Portal criado pelo SindiTelebrasil reúne conteúdos e dicas para esclarecer a população, prefeituras e vereadores sobre a instal ...

LEIA MAIS



Futuro do trabalho: Saiba quais são os 10 comportamentos essenciais para ser um profissional em TICs

Inteligência emocional, pensamento analítico, criatividade são alguns dos comportamentos exigidos no novo modelo de trabalho. E ...

LEIA MAIS



Mitsubishi Electric cria programa de capacitação gratuita nas novas tecnologias

Empresa global de automação centraliza os treinamentos em big data, machine learning e IoT. As aulas acontecem por meio de apre ...

LEIA MAIS



Organizações reclamam da falta de qualificação dos profissionais de Internet das Coisas

Lacuna de habilidades é um dos pontos críticos para o incremento dos negócios conectados, revela a pesquisa IoT Signals, produz ...

LEIA MAIS



Agência Telebrasil Copyright © 2018-2019 Telebrasil - Associação Brasileira de Telecomunicações
A Reprodução do conteúdo da Agência Telebrasil é autorizada mediante a indicação da fonte