Agência Telebrasil
Expediente


A Telebrasil

Aprovação do PLC 79/16 abre espaço para mais serviços via satélite
Agência Telebrasil
09/07/2018

Presidente do Sindicato Nacional das Empresas de Telecomunicações por Satélite (Sindisat), Luiz Otavio Prates, diz que o País precisa reduzir os entraves tributários para massificar o acesso a serviços digitais em regiões atendidas pelos satélites.

O Brasil precisa remover as barreiras que impedem uma oferta maior de serviços satelitais, entre elas, os entraves tributários, como a elevada taxa de fiscalização, que chega a ser oito vezes mais alta que a das demais tecnologias, aponta o presidente do Sindicato Nacional das Empresas de Telecomunicações por Satélite (Sindisat), Luiz Otavio Prates.

Em entrevista à Newsletter da Telebrasil, o executivo afirma que a aprovação do PLC 79/16, que revisa a Lei Geral de Telecomunicações, é fundamental para que mais empresas de satélite venham para o Brasil. “Retirar as barreiras é crucial. Se há mais investimento, há mais atendimento ao público, em especial, o mais carente”, salienta.

Ainda de acordo com o presidente do Sindisat, o Brasil não pode prescindir do satélite para massificar o 5G. “Digo que o 5G é você conectado onde estiver e na hora em que precisar, e sem satélite isso não será possível.” Assistam à entrevista.

LEIA TAMBÉM:

02/01/2019
Em Telecomunicações, Marcos Pontes quer trabalhar em conjunto com empresas privadas

27/12/2018
Índice de reclamações na Anatel cai 28% nos últimos quatro anos

27/12/2018
2019 será um ano de muito trabalho em telecomunicações

27/12/2018
Brasil Digital requer políticos digitais

27/12/2018
Fazenda: marco regulatório de telecom se exauriu e está inadequado à nova era

27/12/2018
Até setembro, setor de telecom investiu R$ 20,5 bilhões

27/12/2018
Futuro da Inteligência Artificial no Brasil passa por ir além do consumo da tecnologia

27/12/2018
Ciência de dados e Inteligência Artificial: o momento de investir nos jovens é agora

09/12/2018
5G tem vários desafios a serem enfrentados pelo Brasil

07/12/2018
5G precisa estar no centro da agenda política




 

Em Telecomunicações, Marcos Pontes quer trabalhar em conjunto com empresas privadas

Ao ser empossado no cargo de ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, o astronauta Marcos Pontes começou a de ...

LEIA MAIS



Na era digital, o Brasil é o país que mais cobra impostos sobre os serviços aos consumidores

Serviços bons e mais baratos dependem de políticas públicas que permitam baixar a carga de quase 50% de impostos paga hoje pelo ...

LEIA MAIS



Índice de reclamações na Anatel cai 28% nos últimos quatro anos

Desde 2015, número de queixas tem apresentado queda, fruto de investimentos e de ações de melhoria da qualidade e do atendiment ...

LEIA MAIS



Painel TELEBRASIL 2019 será vitrine de soluções com TICs

A edição 63 do Painel Telebrasil, que acontecerá nos dias 21, 22 e 23 de maio de 2019, em Brasília, terá como atração o FórumGo ...

LEIA MAIS



Até setembro, setor de telecom investiu R$ 20,5 bilhões

Em que pesem a crise econômica e as dificuldades para ampliação da infraestrutura, o montante representa um crescimento de 12% ...

LEIA MAIS



Oferta de espectro é prioridade da Anatel até 2020

Agência prevê destinações de 1,5 GHz, 2,3-2,4 GHz, 3,5 GHz, 4,8-4,9 GHz e ainda sobras de 700 MHz e 2,5 GHz, com destaque para ...

LEIA MAIS



Agência Telebrasil Copyright © 2018 Telebrasil - Associação Brasileira de Telecomunicações
A Reprodução do conteúdo da Agência Telebrasil é autorizada mediante a indicação da fonte