Formação de capital humano para a transformação digital -  Especial - Agência Telebrasil

TICs precisam de 420 mil profissionais em cinco anos

09/05/2019


Dois estudos recentes sobre o mercado de tecnologia da informação mostram um setor que cresce com e sem crise e com um apetite contínuo e crescente de mão de obra qualificada. Levantamentos da Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação, Brasscom, e da Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro, Softex, estimam um mercado de trabalho de mais de 800 mil profissionais, e que vai precisar de outros 420 mil até 2024.

A Softex fez um retrato do desempenho no setor entre 2007 e 2017 e conclui que ao fim desse período o país contava com 514 mil profissionais no mercado formal de TI, concentrados nas áreas de análise de sistemas, programação de softwares sob encomenda ou customizáveis. O setor experimentou na década avaliada um crescimento de 80% nas vagas de trabalho, puxadas especialmente por programadores, mas com destacado crescimento de atividades ligadas à internet.

As duas pesquisas calculam que o salário médio do setor está perto de R$ 6 mil, o que chega a representar até 2,8 vezes a remuneração média dos brasileiros em geral. E concluem que a demanda vai continuar aquecida. Ao longo dos próximos cinco anos, por conta da transformação digital e da evolução das novas tecnologias como analytics, big data, cloud computing e inteligência artificial, o setor vai precisar adicionar mais 420 mil profissionais.

Maior parte desses especialistas vai ser requisitada pela transformação digital. A Internet das Coisas, por exemplo, de acordo com a Brasscom, vai demandar 107 mil especialistas até 2024. Já big data e Analytics vão requisitar mais de 40 mil profissionais. A computação em nuvem demandará quase 25 mil profissionais e a segurança da informação terá oportunidades para 45 mil especialistas.

Nos próximos três anos, Brasil terá de recapacitar 7,2 milhões de profissionais por conta da Inteligência artificial

Pesquisa mostra que o perfil de profissional buscado pelo mercado se transformou nos últimos dois anos. Os recursos técnicos são relevantes, mas passaram a ter mais importância habilidades como 'gerenciamento de tempo e capacidade de priorizar' e 'disposição de ser flexível, ágil e adaptável às mudanças'.

Existem mais de 2 mil vagas abertas para DevOps no Brasil

Mercado busca por profissionais que têm uma visão geral de infraestrutura de tecnologia, afirma o gerente do Linux Professional Institute, Eduardo Lima.

Futuro da indústria de petróleo e gás passa pelo trabalhador digital

Inteligência artificial e ciência de dados estão entre as especialidades mais procuradas no segmento para acelerar a tomada de decisões mais assertivas ao negócio.

Mitsubishi Electric cria programa de capacitação gratuita nas novas tecnologias

Empresa global de automação centraliza os treinamentos em big data, machine learning e Internet das Coisas. As aulas acontecem por meio de aprendizado à distância e cursos presenciais. Para 2019, a meta da companhia é treinar 1000 pessoas.


Formação de capital humano para a transformação digital - clique aqui e veja todo o especial.

Agência Telebrasil
Copyright © 2019 Telebrasil - Associação Brasileira de Telecomunicações
A Reprodução do conteúdo da Agência Telebrasil é autorizada mediante a indicação da fonte